sábado, junho 26, 2010

Portas que abrem paredes

Festival MED 2010
(duas das muitas portas de autor)
É isto, as voltas trocadas às coisas. Fazer do velho novo, e ainda assim outra coisa. Pendurar portas nas paredes e abri-las como outros lugares para os quais podemos entrar. Poderia ser reciclar, mas é já mais, é reiventar os sentidos das coisas, atirar-se à monotonia com tintas, fios de cordel, pedaços de arame usado. De alguma forma quererei também inventar portas em paredes, portas que possam abrir paredes.
~CC~

3 comentários:

clorinda disse...

;)
Abraço

via disse...

é uma bela intervenção!

Margarida disse...

Vamos nessa: «Portas que possam abrir paredes!!»

Lindo!!

Bjs