quinta-feira, setembro 18, 2008

Queridinha...

Trata-me por queridinha mal entro, embora depois me pergunte: como é mesmo seu nome? Mas depressa ela se lembra que embora seja cliente pouco habitual eu mereço igualmente a sua doçura e vai dizendo: nossa, que bom ter vindo e vai ficar linda. Depressa me esqueço que me tortura porque em função desse: nossa amor, você parece outra, toda a dor é na verdade infíma.

Antes do sector manicure pedicure e outras torturas mais ser tomado por aquelas jovens e lindas brasileiras, raramente eu ia lá ou a outro sítio qualquer. Agora sim, vale a pena. No final ela vai buscar o creme e faz uma massagem pelo rosto, e embora isso nada acrescente a ter mais ou menos pelos, adormece-me para o resto do dia, arrasta-me num torpor de país de sol. Mas há mais, ela pergunta-me: unha meu bem, vamos tratar dessas suas unhas? Eu ai reajo com alguma impaciência pois de repente tudo me parece hipocrisia pura e eu não sou queridinha coisa nenhuma. Penso: mas será que apesar de estar aqui deitada há quase meia hora nesta marquesa de beleza, ela não viu as minhas unhas roídas?

Roídas é um termo ligeiro para o bocadinho de unha que me resta em cada dedo. Protesto pois com ela: mas eu não posso arranjar as unhas, não vê como estão? Pois, queridinha, não tem problema, a gente faz assim mesmo, arranja só uma pelezinha de lado e arredonda e aí já vai ficando mais bonita, você vai gostando e vai deixando de roer. Vou respondendo incrédula: talvez, talvez volte outro dia, também há quem diga que se puser unhas de gel também resulta. Queridinha, unha de gel não é bonito, é coisa grosseira, unha não há como a sua!

E saio a pensar: Queridinha, um dia eu volto, você sabe mais de Psicologia que muitos dos professores que me deram aula no curso. E na verdade sinto-me linda.
~CC~

6 comentários:

JvT disse...

lol

onde é mesmo esse lugar?

*JjS* disse...

Lindo!
E linda, pois!
Bj
*jj*

princesa das estrelas disse...

Olá. Hoje reli um comentário teu no meu blogue e fui invadida por esta pergunta: como anda a tua irmã?

CCF disse...

JVT, eu ensino-te, podes lá ir fazer a barba :)
~CC~

JJS, LL é muito elogio, mas sabe bem :)
Beijo
~CC~

Princesa, pois é, não te tenho visitado muito, mas irei. A mana teve o seu bebé com apenas 25 semanas e foi muito duro, meses de incubadora e de sustos vários, mas agora o bebé está bem...é lindo! E ela vai conseguindo fazer a sua vida normal, às vezes muito cansada, mas todos a animamos. Foi muito simpático perguntares, obrigado!
~CC~

Anónimo disse...

Adorei este texto! Ainda me estou a rir!:))))

Quero mais!:)

Madalena.

CCF disse...

Madalena, que bom que é fazê-la rir!
~CC~